Texto baseado no Wiki Aves, a Enciclopédia das aves do Brasil. Fotos de Evando F. Lopes. Publicado originalmente no portal Águas Emendadas.

A curicaca (Theristicus caudatus) é uma ciconiiforme da família Threskiornithidae. Seu nome popular é onomatopéico, semelhante ao som do seu canto, composto de gritos fortes. Conhecida também como despertador (Pantanal), carucaca, curicaca-comum, curicaca-branca e curicaca-de-pescoço-branco.

Características 

Mede aproximadamente 69 cm de comprimento e 43 cm de altura. É uma espécie grande de coloração clara e asas largas. Durante o vôo exibe grande mancha branca sobre o lado superior da asa, e o lado inferior é inteiramente negro. Bico longo, curvo, preto na base e verde na ponta. Pernas altas. A garganta é nua, preta, bem como a área ao redor dos olhos. Normalmente o curicaca é protegido pelos agricultores como um controlador biológico, não deixando que se acentue o número de pequenos animais considerados nocivos.

Está gostando?
Abaixo, 29 outras aves comuns à Capital Federal.
Clique no enlace e confira.

ave Curiaca 1Habitat e hábitos

Prefere os campos secos, pastos (inclusive campos de aviação). Também habita áreas florestadas. Constrói seus ninhos em ocos de árvores. Vive na mata de beira de rios, como o Negro e o Madeira, na Amazônia. Sua presença e registrada do Norte da América do Sul, na Colômbia, até o extremo Sul, na Terra do Fogo e também nos Andes.

No Brasil, embora alguns sítios da internet afirmem que ela é restrita à Bacia Amazônica, norte do Mato-Grosso e Leste do Maranhão, as imagens deste post, colhidas no Distrito Federal, comprovam que, pelo contrário, a presença da Curiaca é bem mais ampla no território nacional.

ave Curiaca 2

Tem hábitos diurno e crepuscular. Plana a grandes alturas, voa com o pescoço levemente curvado para baixo. As asas dispõem-se côncavas como grandes conchas. São sociáveis, chamam atenção quando se reúnem para dormir ou quando se deslocam para lugares distantes para comer.

Emitem fortes gritos, curtos, do timbre igual a uma galinha-d’angola. O casal e o bando que se reúnem para pernoitar gritam juntos. No auge do vozerio jogam a cabeça para trás.

Ouça aqui o canto da Curiaca

ave Curiaca 3

Alimentação

Ela procura lugares em que ocorreram queimadas em busca de alimento. Alimenta-de  frutas, insetos, principalmente gafanhotos, aranhas, centopéias, lagartixas, cobras, e até de ratos. Come às vezes sapos (Bufo granulosus), fato interessante, pois o veneno desse sapo é mortal para a maioria dos animais quando ingerido (exceto para a boipeva – Xenodon merremii). Para extrair larvas de besouro no solo, mergulha o bico na terra fofa até a base.

Reprodução

Os indivíduos associam-se em colônias. Nidificam sobre rochas ou árvores existentes nos campos. Os ovos são brancos ou pardacentos salpicados. Põem cerca de 5 ovos. A incubação é de 20 a 25 dias. O casal reveza-se para cuidar dos filhotes, que são alimentados por regurgitação

Anúncios