Por Carol Nogueira. Foto: Daniela Cadena Henrique. Do blog Quadrado

Bicicletaria é a iniciativa mais Brasília, mais Lúcio Costa, mais Unidade de Vizinhança  de que já ouvi falar na vida. Um grupo de gente apaixonada por bicicleta, mas sobretudo apaixonada pela ideia de convergir pessoas da vizinhança, resolveu criar um espaço de convivência num prédio abandonado da Asa Sul. Abandonado há dez anos. Eu disse: dez anos.

Movidos por uma utopia que não se vê desde a época que alguns jovens corajosos resolveram construir uma capital do nada, impacientes com a morosidade que a gente sabe que existe em todo processo público, eles simplesmente ocuparam o prédio que um dia serviu de delegacia na entrequadra 204/404 Sul.

O sonho: criar ali um espaço de incentivo ao pedal, uma pequena biblioteca, um ponto de encontro pra quem mora por ali – o que eles já começaram a tirar da dimensão puramente utópica com uma iniciativa emocionante de uma sessão de cinema ao ar livre pras crianças da quadra.

Não é de hoje que esta turma agita a comunidade em torno do amor às bicicletas. Algumas vezes já vi alguns deles no Eixão aos domingos dando uma força técnica a quem precisa apertar um parafuso ou aprender a melhorar algo na bike. Desde que entraram na luta da sede própria, desde que resolveram ocupar e resistir, eles se encontram todos os finais de semana e realizam mutirões de limpeza. Pintaram a fachada, limparam a antiga delegacia por dentro. Começaram a fazer dali sua pequena casa.

O GDF, claro, não concorda. Ontem um caminhão chegou na Bicicletaria e deu aos meninos até segunda-feira pra desocupar o prédio. Aquele momento tristíssimo em que  o burocrático poder público cheio de razão encontra os jovens idealistas cheios de sonhos. Os dois lados ficaram até de noite conversando e negociando. E gente ficou aqui, torcendo pelo lado idealista e sonhador desta contenda.

Bora?
Este final de semana tem mutirão de limpeza de novo. Enquanto existir o sonho, quem quiser se juntar à turma é só chegar.
Bicicletaria – EQS 204/404

Anúncios