Um flagrante colhido no dia 30/6 denuncia a existência de uma obra de canalização executada dentro da mata ciliar do Parque Olhos D’Água, em Brasília. As obras, que seriam irregular, por contrariar as normas ambientais e federais desvia as águas das nascentes que abastecem o Parque, podendo colocar em risco o próprio espelho d’água existente no Parque. Gravada em vídeo peor Luiz Rio, a obra pode trazer danos irreparáveis ao meio ambiente.

Para entender a dimensão da agressão, confira abaixo o vídeo

Entrando pelo Cano de um Crime Ambiental

Anúncios