Foto de Chico Sant'Anna

 Poema de Luiz Martins da Silva. Foto de Chico Sant’Anna

 

Sabiá não se sabe dançando,

Mas, entre um lá e outro cá,

Sabe com seus passinhos

Que vou aprovar o seu tango.

 

Tanta tentativa, agora eu sei

Que ser Silva nem é tanto,

Mas, se assovio já é canto,

Quem sabe, cantando terei?

 

Amar é para amadores,

Mesmo guardando rochedos,

Amores e oceanos.

 

Tanto mar e pouca brisa,

Mas se beijo já é riso,

Vida é vela a Deus velar.

Anúncios