Parque Tabbord, Rennes França. Foto de Chico Sant'Anna

Poema de Luiz Martins da Silva. Foto de Chico Sant’Anna

I

Há quem antes bendiga,

Longe do tempo e razão,

Quem será pai, filho, irmão.

II

Um dia o homem,

Ator por um triz,

Aparece embrião.

III

O mundo os viaja.

Quando um caminha,

O outro é estrada.

IV

Um, vai à lavra;

O outro reserva

Futuros sonhados.

V

Já quase ombros,

Confronto de alfas,

Conflito de heróis.

VI

Amor de pai,

Amor de filho,

Amor de irmão.

VII

Um dia, na tribo,

Louvor ancestral,

É dia dos pais.

Anúncios