Viver em locais ricos em área verde traz grandes benefícios ao bem-estar e a qualidade de vida das pessoas que lá  vivem. O que antes era uma questão de senso comum, agora é resultado de uma pesquisa científica, realizada pela Universidade de Exeter, na Inglaterra.

De acordo com a pesquisa, que envolveu moradores de cinco mil casas, durante um período de 17 anos, viver em um bairro próximo a espaços verdes tem um efeito positivo nas pessoas e mais duradouro do que ganhar na loteria, casar-se ou viajar.

Os níveis de satisfação pessoal, de saúde física e de redução do estresse são bem mais altos do que os apresentados por quem mora em áreas carentes de áreas verdes. 

O estudo foi publicado recentemente na revista especializada Psychological Science, mas os moradores do Guará, em Brasília, com certeza já sabiam dos benefícios de morar perto das flores. É o que mostra Joel Alves Rodrigues, no texto Jardins do Guará, publicado no jornal da cidade. 

Confira, abaixo.

Jardins do Guará (1)Texto e fotos por Joel Alves Rodrigues , publicado originalmente no Jornal do Guará.

Uma prática que tem se acentuado entre os moradores do Guará  é a criação e manutenção de jardins promovidas pelos próprios moradores, nas esquinas e na frente das residências. Esta prática tem incentivado várias famílias a realizar esta terapia que maravilha muitos transeuntes.

Jardins do Guará (2)Moradores como a Eunice,  Neto, D. Maria, seu Antonio  e Veralice e também  suas famílias residentes  próximos a  Entre quadra 24/26 do Guará II  fazem desta prática uma rotina de vida. Quanto mais os moradores seguirem está prática, mais bonita e arborizada ficará nossa Cidade.  O Governo deveria incentivar mais ainda.

Jardins do Guará (3)A D. Eunice, esposa do advogado Neto, moradores da QE 26, conta que no início existia um matagal  e acumulava muita sujeira no local. Eles resolveram capinar tudo e construir no local um jardim, o que inibiria as pessoas de colocar lixo. A iniciativa deu certo e hoje dá gosto passar por lá e apreciar a bela vegetação.

O jardim localizado no final do Conjunto B da QE 24, ao lado da Igreja Batista Filadélfia,  já há algum tempo vem produzindo as mais diversas flores e é comum todas as manhãs ver a minha vizinha, Veralice, com o regador de água e uma enxada, cuidando das plantas. Ela disse que é uma terapia e faz isso com prazer mas reclama de algumas pessoas  que danificam o espaço dos vegetais.

Jardins do Guará (4)O seu Antonio  e Dona Maria formam um casal de idosos que cuidam com muito carinho um belo jardim que fica na QE 24, no final do Conjunto do Comércio Local. Criados na roça, eles trouxeram muitas ervas medicinais para o local e a comunidade sempre que precisa recorre ao Jardim da Dona Maria.  Seu Antonio conta que uma das coisas que o motivaram a criar o Jardim foi a incidência de muitos usuários de drogas que ficavam perto do muro de sua casa e quando a polícia chegava, jogavam as drogas para dentro de seu lote. Além de cuidar do seu jardim, ele capina a grama e limpa o local com o amigo e vizinho, Sandoval que mora na casa do fundo, no outro conjunto.

Veja as fotos que demonstram o resultado desta iniciativa tão salutar. Se você tem alguma dica sobre o assunto mantenha contato joelin@uol.com.br.

Anúncios