Por Gustavo Dourado


1º de maio de 1886:
A luta do operário…
Trabalho organizado:
Melhoria de salário:
A violência do poder:
Presente em meu diário…

Primeiro de Maio é história:
Trabalhadores em luta… 
A gravidade da vida:
A incessante labuta…
O sistema que oprime:
Com a sua ganga bruta…

“Trabalhadores, uni-vos”:
Karl Marx já dizia…
Na dialética da vida:
Sobrevive-se na agonia…
Escravidão pós-moderna:
Novo tempo se anuncia…

É o capital que oprime:
Com a sua mais valia…
O magnata que lucra: 
Que reprime a poesia…
Que acorrenta o sonho:
E a ilusão da fantasia…

É hora de despertar:
Buscar a cidadania…
Na greve, na passeata:
Assembleia do dia-a-dia…
Na fábrica, no sindicato:
Que a peleja se anuncia…

Chega de alienação:
Liberte-se, se oriente…
A união faz a força:
Na rebeldia da gente:
O grito da multidão:
Revolução permanente…

Anúncios