Os moradores de Brasília, em especial os residentes na Asa Norte, se mobilizam para transformar o que no passado foi um centro de reclusão de menores infratores em um espaço para fomentar a cultura e ajudar, inclusive, a forjar novas gerações com valores mais humanísticos e menos violenta.

A idéia é transformar uma área de 63 mil metros quadrados, que antes abrigava o Centro de Atendimento Juvenil EspecializadoCAJE, em um grande centro cultural, com biblioteca, museu, teatro, galeria de arte, sala de exposição, cinema.

O terreno onde ficava o centro pertence ao Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT). O governo devolverá a área, que fica na 916 Norte, limpa até outubro. O tribunal, por sua vez, ainda não decidiu que destino dará ao local. O temos é que ele seja vendido para mais um empreendimento imobiliário. 

Brasília e, em especial o Plano Piloto, não precisa de mais empreendimentos imobiliários, não precisa de novos shoppings. Brasília carece de mais espaços culturais, que abriguem o conhecimento, os livros, a música, o teatro.

Com esta bandeira, um grande evento está sendo convocado para domingo, dia 18/5. Vai ser um piquenique cultural, com música, leitura de poesias, livros, bibliotecas, esportes, jogos… Tudo para juntar gente e demandar nosso centro cultural. O Piquenique Cultural em defesa do Centro Cultural da Asa Norte Eixão, acontecerá na altura da 112 Norte.

Quem quiser acompanhar a mobilização pela facebook, clique aqui.

 

Anúncios