Partido Militar Brasileiro quer entrar na política com o número 99

Por Marcelo Sperandio, da revista Época

O Partido Militar Brasileiro (PMB) saiu da trincheira. Seus líderes já coletaram 320 mil das 492 mil assinaturas necessárias para criar a legenda. Fundador do PMB, o capitão da Polícia Militar de São Paulo Augusto Rosa calcula que o partido tem representantes em mil municípios espalhados pelos 26 estados e o Distrito Federal.

Leia também:

A meta é acelerar a formação da sigla e lançar candidatos nas eleições municipais de 2016. O número requerido no Tribunal Superior Eleitoral é o 99, “para mostrar que estamos à extrema direita de tudo o que existe na política hoje”, diz o capitão Rosa. Os pilares do PMB são pátria, honra, moral e ética. No front da ação para criar o partido está o coronel Marcos Pontes, o primeiro astronauta brasileiro. “O apoio do coronel Pontes dá credibilidade ao nosso projeto de extrema direita dentro da democracia”, afirma o capitão Rosa.

Sobre Chico Sant'Anna

Sou jornalista profissional, documentarista, moro em Brasília desde 1958. Trabalhei nos principais meios de comunicação da Capital Federal e lecionei Jornalismo também nas principais universidades da cidade.
Esse post foi publicado em Congresso Nacional, Eleições, Polícia Militar, Política & Partidos, TSE e marcado , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Partido Militar Brasileiro quer entrar na política com o número 99

  1. eder alves disse:

    Um absurdo o TSE permitir que militares se organizem em Partidos Políticos. A extrema direita nunca foi a favor de partidos, quanto mais da democracia. Não podemos aceitar!!!!!!!

    Curtir

    • Cláudius Elias disse:

      Caro, lamento saber que o sr é mais um que não ‘tolera’ a própria Democracia que torna todos iguais perante a lei e generaliza os militares como extremistas.
      Aceite este fato e sugiro que abra sua mente pra tentar entender os motivos que todas as categorias podem buscar representantes legítimos junto aos partidos políticos.

      Curtir

      • Caro Sr. Cláudius Elias
        Não entendi a natureza do seu comentário. Tanto sou um defensor da democracia para todos que publiquei aqui no meu blog notícias sobre a criação do Partido dos Militares, dos Piratas, do Patria Livre, da Ecologia Nacional. Ou seja, espaço aberto ao pluripártidarismo. Não significa dizer que eu apoie algum deles ou todos eles. Apenas uma demonstração de que a tribuna é livre, aqui neste blog.
        Um abraço.

        Curtir

  2. Pingback: Brasil já tem 35 partidos. TSE legaliza Partido da Mulher Brasileira | Brasília, por Chico Sant'Anna

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s