Bar do Escritor lança Quinta Barnasiana

Livro Bar do EscriorQuinta, em português da pátria-mãe, é um terreno rural, é uma enfermaria para prostitutas ou é o número ordinal feminino. Esta quinta antologia de contos, crônicas e poemas reúne 38 autores brasileiros e um de Moçambique, escrevendo sobre diversos sentimentos, do mais formal ao mais lisérgico, do mais brando ao mais brabo.

São 240 páginas de entretenimento literário, focado na diversão das experiências vividas em assuntos debatidos em mesas de bares.

Nesta edição de 2400 exemplares, O Bar do Escritor alcança 13 mil livros publicados em 1246 páginas e firma-se como um legítimo movimento literário, que originou-se diretamente da World Wild Web, no falecido Orkut, e prova que o a anarquia bem intencionada é absolutamente produtiva. O Blog do BdE tem mais de 200 mil acessos, com mais de 2 mil postagens nos oito anos desde sua criação.
O Bar do Escritor é um grupo livre, aberto, plural e resistente. Para conhecer a história do bar, clique aqui. As antologias anteriores do Bar do Escritor estão disponíveis aqui

Com capa pintada em naquim por Paulo Branco, que ilustrou em revistas como Pasquim, Playboy, Bundas e em livros de Ziraldo e Ruben Alves.

O lançamento será no dia 27 de novembro de 2014, no Senhoritas Café, 408 norte, a partir das 19 horas. O valor é R$ 20,00. Este pocket-book do Bar dos Escritores tem os seguintes autores de Brasília:

André Giusti – Escritor e jornalista. Nasceu no emblemático maio de 1968, no Rio de janeiro, e mora em Brasília há mais de 15 anos. Entre outros livros, é autor de Histó­rias de Pai, Memórias de Filho, A Liberdade é Amarela e Conversível e A Solidão do Livro Em­prestado, todos de contos, lançados pela Editora 7Letras;

Lourenço Dutra – Nasceu em Brasília em dezembro de 1963. É baixista, pro­fessor, escritor e agora pai de família. Publicou O destino de um certo Frank Zappa pela arte­paubrasil, O Olhar dos outros pela LGE e Cer­rados, frevos e minuanos pela LER;

Roberto Klotz – Engenheiro que saltou do topo do prédio recém construído e estilhaçou-se em parágra­fos. Publicou Pepino e Farofa, Quase pisei! e Cara de crachá. Conquistou mais de 20 prêmios literários. Foi jurado em vários concursos e desafios literários. Foi, durante quatro anos, Conselheiro de Cultura do Distrito Federal.

Andrea Carvalho – Jornalista por opção, gaúcha por natureza, escritora por paixão. Classificada em vários concur­sos literários, é colunista do blog Bar do Escritor e escreve em ou­tros quatro blogs;

Cinthia Kriemler – É carioca e vive em Brasília desde 1969. Escre­ve contos e crônicas. Brinca de poemas. Tem três livros publicados, dois pela Editora Patuá e um pelo FAC-DF. Pu­blica textos em duas re­vistas literárias eletrôni­cas. É membro da Academia de Letra do Brasil, ALB/ DF e da Rede de Escritoras Brasileiras – REBRA;

Deliane Leite – Brasiliense e poetisa desde sempre. É membro do movimen­to cultural Tribo das Artes. É apaixonada pelo cerra­do e tem nele seu habitat natural;

Jorge Amâncio – É carioca, nasceu em 1953 e vive em Brasília des­de 1976. Fundador do Centro de Estudos Afro Brasileiro, do Grupo Cultural Axé Dudu, é membro da Academia de Le­tras do Brasil-secção DF e do Coletivo de Poetas de Brasília. Publicou NEGROJORGEN pela Thesaurus em 2007 e foi publicado em inúmeras antologias. Coordena com o poeta Marcos Freitas o Sarau Videolitero­musical Poemação.

Larissa Marques – Escritora e artista plásti­ca, nasceu em 1974, na cidade de Itumbiara, interior de Goiás, e reside em Sobradinho. Já escreve há mais de vinte anos e expõe sua obra na in­ternet, em vários títulos editados, em jornais es­pecializados em literatura e revistas voltadas para arte.

Giovani Iemini – criador e mentor do Bar do Escritor, publicou Mão Branca pela LGE em 2009, participa de diversas antologias, escreve em incontáveis sites de literatura na Internet, organizou as quatro antologias anteriores do Bde, coordenou o concurso de literatura Brasília é uma Festa e é membro da Academia de Letras de Brasília.

Destacam-se, também, autores de outros estados (e outro país), como:

Simone Pedersen – De Vinhedo, SP, é forma­da em Direito. Publi­cou livros para crianças e adultos, com prosa e poesia. Tem livros no PNBE, Catálogo de Bolonha e Bibliografia Brasileira de Literatura Infantil e Juvenil. Visita escolas pelo Brasil contan­do histórias e oficinando para alunos e professores sobre criação literária;

Pablo Treuffar – Carioca e funcionário público, é autor de A Doença é a Desculpa do Caráter e é prosador bastardo do velho safado Charles Bukowski;

Cristiano Deveras – Goiano, vencedor de diversos prêmios nacionais e internacionais, autor de vários livros, entre eles O Etéreo Ser de Carbono, que foi lançado na Feira de Frankfurt, na Alemanha, com a presença do autor;

Mahiriri Ossuka – escritor moçambicano, ativista político, radialista e promotor da evolução dos jovens através das artes e da livre expressão. É o primeiro autor internacional das antologias do BdE.

 

 

Sobre Chico Sant'Anna

Sou jornalista profissional, documentarista, moro em Brasília desde 1958. Trabalhei nos principais meios de comunicação da Capital Federal e lecionei Jornalismo também nas principais universidades da cidade.
Esse post foi publicado em Arte e Cultura em Brasília, Brasília - DF, Cultura, Literatura. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s