Thalija
O lançamento da mais brasiliense das histórias em quadrinhos, Thalija, acontec dia 8 de julho, quarta-feira, a partir das 19:00 horas, na sobreloja (varandão) do Boulevard, no Setor de Diversões Sul, também conhecido por Conic.

Thalija é uma adolescente brasiliense corajosa, sonhadora, inquieta – e com um amor pelas artes urbanas que está em seu DNA. Sua paixão por Brasília não é coisa de espantar: a gente jovem de nossa cidade é mesmo apaixonada por ela. Também não causa espanto o seu explícito interesse pela Arquitetura e pelo Urbanismo da linda capital do Brasil. Na verdade, toda a história que desenhei é “o processo decisório da heroína quanto a se tornar, ou não, uma arquiteta e urbanista”. Sua decisão final é prá lá de polêmica, cabe ao leitor julgar.

Quem descreve a personagem principal dessa obra em quadrinhos é o professor de Arquitetura da Universidade de Brasília, Frederico Flósculo. São 60 páginas desenhadas com a técnica de bico-de-pena. Ilustrações e dialogos são de autoria de Flósculo. Algumas delas, lembram o estilo das ilustrações da célebre obra O Pequeno Príncipe.

Thalija2
São 60 páginas desenhadas com a técnica de bico-de-pena. Ilustrações e dialogos são de autoria de Flósculo.

Neste livrinho em quadrinhos  – explica ele – apresento o roteiro alucinado de uma “viagem” feita com todas as liberdades poéticas e imaginativas que vieram a mim, amante de Brasília, pai de brasilienses da gema. A decisão de fazer algo artesanal e voluntarioso, a meu modo, foi essencial. Nada aqui foi realmente planejado de forma minuciosa, ao contrário. Além disso, todos os desenhos e textos foram feitos à mão, prazerosamente. Espero que a gente brasiliense viaje com essa esperta, empoderada garota. Puxei a ela.”

O lançamento da mais brasiliense das histórias em quadrinhos, Thalija, acontec dia 8 de julho, quarta-feira, a partir das 19:00 horas, na sobreloja (varandão) do Boulevard, no Setor de Diversões Sul, também conhecido por Conic.

 

Anúncios