TRE-DF reprova contas de partido que lançou candidatos do clã Roriz

O Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal (TRE/DF) julgou na noite de quarta-feira (14/10) a prestação de contas do Partido da Mobilização Nacional (PMN), referentes ao exercício de 2013. As contas do PMN foram rejeitadas pela unanimidade dos desembargadores eleitorais, ou, como prefere o TRE,  foram consideradas desaprovadas.  O partido não apresentou comprovantes de abertura de conta e movimentação financeira e não observou o prazo legal para sanar as irregularidades. A penalidade é a suspensão dos repasses de cotas do fundo partidário àquela legenda pelo período de doze meses. Cabe recurso da decisão ao Tribunal Superior Eleitoral.

Leia também:

Segundo o portal do PMN nacional, a direção executiva do PMN Distrito Federal tem o ex-governador Joaquim Roriz como presidente da agremiação e sua filha, Jaqueline Roriz, como vice-presidente. Com dados atualizados em abril desse ano, o portal informa que a entidade possui 2.380 filiados na Capital Federal.

Neto de Roriz tentou usar o prestigio eleitoral do avô, mas não conseguiu se eleger.

Partido do clã Roriz

Foi pelo PMN que o neto do ex-governador Joaquim Roriz, que usou o mesmo nome do avô, Joaquim Roriz, se lançou a candidato ao cargo de deputado federal pelo Distrito Federal .

Seu material de campanha associava sempre seu nome ao do avô, chegando a confundir alguns eleitores desatentos que não sabiam quem era o verdadeiro candidato. Informações como a legenda ou coligação que estava inserido, nem sempre eram divulgadas nas peças de campanha.

Na urna eleitoral o nome “Neto” desapareceu e o eleitor só via o nome Joaquim Roriz. A estratégia lhe propiciou 29.481 votos e ficou de suplente na coligação. O neto do clã, de 23 anos, é nascido na Philadelphia, Estados Unidos e veio ocupar a vaga da mãe, Jaqueline Roriz – filha mais velha do ex-governador, que teve sua candidatura à reeleição como deputada federal impugnada pela justiça eleitoral. Jaqueline Roriz, segundo o portal UOL nas Eleições, foi flagrada recebendo dinheiro do Mensalão do DEM, a parlamentar sofreu um processo de quebra de decoro no Conselho de Ética da Casa, que recomendou a perda de seu mandato. A penalidade, no entanto, não foi aprovada em plenário e a deputada manteve o cargo.

STF impugnou a candidatura de Jaqueline Roriz com base na lei da ficha limpa.

Em julho de 2014, Jaqueline foi condenada em segunda instância por improbidade administrativa e se tornou ficha suja. Sua candidatura foi impugnada pelo Ministério Público do DF. No final de julho de 2014, o ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal, manteve, em decisão liminar, a perda de direitos políticos de Jaqueline por oito anos.

Nas eleições de 2014, o PMN coligou com o Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB), de Luiz Estevão, e que teve Weslian Roriz como candidata a vice-governadora, e sua filha Liliane Roriz, hoje vice-presidente da Câmara Legislativa. Complementavam a coligação que apoiou José Roberto Arruda e depois, Jofran Frejat o Partido da República (PR), e o Partido Trabalhista Brasileiro (PTB). 

Sobre Chico Sant'Anna

Sou jornalista profissional, documentarista, moro em Brasília desde 1958. Trabalhei nos principais meios de comunicação da Capital Federal e lecionei Jornalismo também nas principais universidades da cidade.
Esse post foi publicado em Ética na Política, Brasília - DF, Distrito Federal, Eleições, Eleições em Brasília, Ficha Limpa, Justiça, Política & Partidos, TRE-DF e marcado . Guardar link permanente.

Uma resposta para TRE-DF reprova contas de partido que lançou candidatos do clã Roriz

  1. Pingback: Clã Roriz: duas condenações em menos de 24 horas | Brasília, por Chico Sant'Anna

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s