No “Encontro com os companheiros do MDB Brasília – DF da Zonal 10” cobranças em relação à gestão de Ibaneis Rocha que estaria escanteando a turma de Tadeu Filippelli.

Base de apoio do ex-presidente do MDB, Tadeu Filippelli se sente discriminada na gestão de Ibaneis Rocha e acusa o governador de abrigar muitos apoiadores de Rollemberg.

 

Por Chico Sant’Anna

 

A turma de Tadeu Filippelli não está satisfeita com o escanteamento que vem sofrendo na administração Ibaneis Rocha.

Quer mais espaço e respeito ao ex-presidente da legenda. A sanha do MDB por cargos no governo Ibaneis não se aquietou com a substituição do administrador do Park Way, José Joffre Nascimento, por uma afiliada do deputado distrital, Hermeto (MDB). Apesar da indignação da comunidade do bairro em ver o nome escolhido pelos moradores substituído por uma ingerência política externa, a cúpula do partido quer mais e muito mais, fala em milhares de cargos.

No encontro de natureza partidária, alguns dos presentes (veja o detalhe retangular na foto) portavam uniformes de servidor público.

No “Encontro com os companheiros do MDB Brasília – DF da Zonal 10 ”, (que agrega o Núcleo Bandeirate, Park Way e Candangolândia), realizado na Affonsolândia, chácara de Affonso Gomes (ex-assessor de José Saney no Senado Federal e ex-presidente do MDB dessa zonal), a intenção dos emedebistas ficou clara. Ao convescote compareceram o atual e o ex-presidentes do partido distrital Rafael Prudente e Tadeu Filippelli e o distrital Hermeto. Também na mesa principal, a nova administradora e afiliada de Hermeto, Aline Gomes de Farias.

Publicada originalmente na coluna BRASÍLIA, POR CHICO SANT’ANNA, no semanário Brasília Capital.

Segundo vídeo compartilhado nas redes sociais, quem deu o tom ao encontro foi Irany Domingos Gomes. Ex-administrador do Riacho Fundo 1 nos primeiros sete meses do governo de Rollemberg. Era um protegido do distrital Cristiano Araújo, mas foi exonerado do cargo após surgirem rumores de que teria utilizado máquinas e equipamentos da administração para benfeitorias em sua chácara. Desde então, parece que nutriu uma forte antipatia pelo PSB.

Veja aqui o vídeo com o discurso do ex-administrador do Riacho Fundo 1, Irany Domingos Gomes.

Ao microfone, Irany reclamou que os amigos de Tadeu Filippelli são discriminados na administração Ibaneis. “Dizer no GDF que apoiou Filippelli é uma senha para ficar mal no atual governo” – afirmou, conclamando a demissão imediata de todos que apoiaram Rollemberg. Foi quando Hermeto ressaltou que a demissão de José Joffre, já tinha ocorrido. “Exonerou um, mas tem mais quatro mil, Hermeto” – rebateu Irany. Disse ainda que “a paciência acabou e que o trabalho de Filippelli para eleger Ibaneis tem que ser respeitado”. O vídeo não mostra como reagiram o atual e o ex-dirigente do MDB local, mas alguns dos presentes – por sinal, vários com uniformes do GDF – confidenciaram que Irany falou tudo que Filippelli tinha a dizer.