O MST deu seu recado na Esplanada dos Ministérios. No dia em que o Brasil registrou 454.429 mortos pela Covid e 16,2 milhões de casos, os trabalhadores rurais foram às ruas para pedir vacina no braço, comida no prato e auxílio emergencial de R$ 600,00.

Com mais de três toneladas de alimentos saudáveis da Reforma Agrária eles registraram seu pleito nos gramados do Poder.

Após o ato, is alimentos foram doados à Central De Cooperativas de Materiais Recicláveis do Distrito Federal (CENTCOOP). Os alimentos foram produzidos em áreas de assentamentos do MST e da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (CONTAG) no DF.