Os moradores do Park Way possuem, em média, a terceira maior renda per capita do Distrito Federal. Perdem apenas para o Lago Sul e Norte.

Muitos desses moradores, contudo, pra economizar uns trocados, preferem jogar nas áreas verdes os entulhos de suas casas, as podas de seus jardins, os restos de obras de suas reformas. E não é por falta de alerta.

Contribuem pra dilapidar o próprio bairro em que moram, um dos raros de Brasília que ainda preserva a fauna e a flora do cerrado.

Peca também o Governo do Distrito Federal. Complacente com essa realidade, tudo vê e nada faz. Ibram DFLegal, Administração Regional, SLU…, o governo como um todo, todos são cúmplices da deterioração dessa área de proteção ambiental: a APA Gama Cabeça do Veado.