Por Chico Sant’Anna

 

Muitos são os aspectos que devemos pensar neste Dia Mundial do Meio Ambiente.

No DF, uma questão que ainda preocupa é coleta seletiva. A efetiva triagem dos resíduos tem que começar na casa de cada um de nós.
Temos que olhar também a situação dos dois mil catadores de lixo que ainda não foram beneficiados pela mudança do Lixão da Estrutural para o Aterro Sanitário em Samambaia.

Depois do fechamento do lixão, ficaram sem renda, pois muitos não foram realocados pelo GDF e ainda não há centros de triagem em quantidade suficiente.

O entulho ainda está sendo enterrado. 6 mil toneladas/dia no lixão.
Nao temos reciclagem do vidro. Tudo isso prejudica o meio-ambiente.

O governo precisa implantar efetivamente a politica de resíduos sólidos.

Tornar Brasília uma cidade sustentável.
Não basta só investir em propaganda. Tem que agir.